Grupo da Saúde Mental

 

HISTÓRIA

Na sequência da realização, no ano lectivo de 2013/2014, do Curso Pós-graduado de Serviço Social na Saúde Mental, no âmbito duma parceria entre a APSS e a Faculdade de Ciências Médicas da UNL, com o apoio da Direcção Geral da Saúde, através do Programa Nacional para a Saúde Mental, surgiu uma proposta de alguns alunos para se constituir um grupo de trabalho na APSS sobre questões relacionadas com a saúde mental, para dar continuidade ao seu investimento e conhecimentos adquiridos.

A ideia de constituição do grupo desenvolveu-se nas reuniões de avaliação final com @s assistentes sociais que frequentaram a formação, orientadas pela assistente social coordenadora e docente Isabel Fazenda e pela assistente social e docente Maria Aurora Matias. Serviu sobretudo de referência para esta constituição a experiência de Isabel Fazenda na área da saúde mental e na orientação de um anterior grupo que funcionou na APSS com objectivos semelhantes.

O convite para integração no grupo foi dirigido a todos os participantes do Curso e ainda a profissionais que haviam integrado o grupo anterior. Assim, aderiram profissionais que frequentaram a formação, e uma do grupo anterior. O grupo está aberto à entrada de novos assistentes sociais que trabalhem na área da saúde mental, com interesse em colaborar na concretização dos seus objectivos e que sejam ou se tornem associados da APSS.

O grupo funciona na dependência da APSS sendo coordenado por Isabel Fazenda e por Maria Aurora Matias, ambas pertencentes actualmente aos corpos sociais da APSS. Considera-se que embora esta coordenação possa vir a assumir outra forma e a integrar outras pessoas deverá existir sempre um elemento que estabeleça a ligação com a Direcção da APSS e de preferência integrante dos corpos sociais. As responsabilidades ligadas à representação externa do grupo que a direcção da APSS entenda delegar na coordenação serão assumidas por Isabel Fazenda.

 

OBJECTIVOS

1. Recolher e difundir junto d@s assistentes sociais que trabalham na área da saúde mental informação que funcione como incentivo à reflexão sobre as práticas;

2.  Recolher e sistematizar informação sobre o que se considera serem boas práticas d@s assistentes sociais na área da saúde mental;

3. Criar condições (a nível de formação, de orientação/supervisão e de obtenção de financiamento) para que @s assistentes sociais que trabalham na área da saúde mental possam realizar pequenos projectos de investigação para responderem a necessidades da prática (focados nos utentes ou nos processos de lhes prestar serviços).

4. Partilhar experiências e informações relevantes relacionadas com a prática profissional e a actividade de investigação de interventores, assim como a realização de projectos pertinentes nessas duas áreas.

5. Representar a APSS junto dos órgãos de comunicação social para assuntos relacionados com a saúde mental, através de um membro do Grupo ou de outr@ assistente social que considere especializad@ ma matéria em questão.

 

ACTIVIDADES

1. Plano de actividades para 2015

  • Organizar e concretizar o levantamento d@s assistentes sociais que trabalham na área da saúde mental em hospitais públicos, IPSS e Ordens Religiosas, com a colaboração de duas colegas voluntárias (preparar o formulário, reunir os contactos das instituições para enviar o pedido de preenchimento às coordenadoras do serviço social e directores das IPSS, sistematizar os dados recebidos e criar uma base de dados);
  • Obter financiamento na DGS para a realização de um projecto de investigação a partir dos trabalhos realizados no curso (revisão do projecto, apresentação proposta à DGS, definir a gestão do financiamento, supervisão do trabalho dos investigadores directos, apoio do CEDH da UCP para revisão/supervisão externa do projecto);
  • Organizar a elaboração de uma publicação, a partir dos trabalhos realizados pelos participantes da formação pós-graduada e alguns artigos de professores, relacionados com a matéria leccionada, que será financiada e difundida pela DGS;
  • Organizar duas acções de formação dirigidas aos membros do grupo, sobre tratamento de dados qualitativos e quantitativos com possibilidade de abertura da formação a outros assistentes sociais interessados;
  • Proceder ao levantamento sobre a produção de saber pel@s assistentes sociais ligadas à intervenção directa na área da saúde mental
  • Procurar fontes de financiamento para investigação ligada à prática e definir projectos para concretizar em 2016.
  • Os projectos serão apresentados pela coordenadora do grupo, Isabel Fazenda, em nome da APSS, ou por outros membros do Grupo, de acordo com as características ou exigências de cada financiamento.
  • Os fundos serão divididos de acordo com orçamento prévio destinado ás diversas actividades previstas no projecto (investigação, supervisão, apoio à supervisão/revisão e formação necessária à concretização dos projectos).

 

2. Funcionamento do grupo

O grupo reunirá periodicamente, conforme acordado em cada reunião; será enviada a todos com pelo menos uma semana de antecedência a agenda da reunião e materiais que venham a ser discutidos para acrescentaram outros aspectos e prepararem-se. Cada pessoa deve avisar se vai participar na reunião de forma a poder cancelar-se se mais de metade dos membros não puderem participar, marcando-se data mais conveniente para o maior número. As reuniões gerais devem ser para definir as linhas gerais do trabalho do grupo. Realizar-se-ao reuniões parcelares, para realizar trabalhos concretos e manter-se-á um contacto regular entre todos através dos contactos de e-mail. Poderá tentar-se, em reuniões gerais ou parcelares, participar via skipe se conseguirmos reunir as condições necessárias.

Elaborar-se-á memória de cada reunião e dos principais documentos que deverão ser do conhecimento de todos e ser guardados em ficheiro da APSS.

A primeira reunião teve lugar em Novembro de 2014, e as seguintes têm tido periodicidade geralmente mensal, e realizam-se ao sábado de manhã em instalações da Casa Pia ou em instalações da ARIA cedidas a pedido da APSS.

Na medida em que as duas profissionais que apoiam o Grupo pertencem ao CEDH, Centro de Estudos do Desenvolvimento Humano, da UCP, foi acordado com o Coordenador do Grupo de Políticas Públicas e Inclusão Social, desse Centro, onde estão incluídas as pessoas e os projectos de Serviço Social, uma parceria para apoio científico aos projectos de investigação desenvolvidos pelo Grupo de Saúde Mental da APSS.

 

Contactos

APSS | Sede Nacional
Rua dos Jerónimos, 5
1400-210 Lisboa

91 226 98 93 | 21 361 40 13
Consulte os contactos das Delegações Regionais no separador "APSS - Delegações Regionais"

APSS © 2015 Todos os direitos reservados.